Tour no Parque Nacional Torres Del Paine

O tour no Parque Nacional Torres Del Paine na Patagônia Chilena foi um passeio sensacional que fizemos em dezembro de 2017. O ponto de partida foi na cidade de El Calafate localizada na Patagônia Argentina e o passeio durou um dia inteiro. Desde que pegamos a estrada avistamos belíssimas e distintas paisagens incluindo a fauna e flora da região, montanhas, rios e as famosas torres que são o cartão postal de quem procura visitar essa região.

O turista que deseja fazer o passeio ao Parque Nacional Torres Del Paine pode optar em pegar um transporte de linha regular ou contratar o passeio de alguma agência. Nós, já tínhamos o passeio contratado pela agência All Patagonia antecipadamente.

No dia combinado, aguardamos o transporte no Hotel Quijote, onde ficamos hospedados na cidade de El Calafate. O veículo utilizado foi um 4×4 e os assentos ficaram todos ocupados quando partimos para nosso destino.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Área interna do transporte.
Dentro do veículo 4×4.

A distância percorrida para chegar até a parte sul do Chile foi um pouco mais de 250 km e todos receberam um box lanche bem reforçado que estava incluso no pacote deste passeio, que nos deixou bem alimentados durante todo o dia.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Box lanche.
Box lunch destinado aos passageiros.

Leia o post: Roteiro de 12 dias na Patagônia!

Apesar do trajeto ser bem longo, o caminho percorrido foi preenchido por belíssimas paisagens características da região.

Partindo de El Calafate, a flora local de cores lindas se despedia de nós e à medida que alcançamos a estrada, a mata rasteira sem muitos relevos tomava conta da paisagem e entre um trecho e outro, notamos a presença de muitos animais da região como guanacos, nandus-de-darwin (parente menor da ema que se distingue facilmente desta pelas manchas brancas apresentadas no dorso) e ovelhas, tudo isso somado à beleza das montanhas da Cordilheira dos Andes.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Paisagem
Flora local na saída da cidade de El Calafate.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Estrada
A estrada percorrida entre a cidade de El Calafate à fronteira.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Animais
Guanacos durante o caminho de El Calafate à fronteira.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Animais
Nandu um pouco camuflado devido sua penugem nas terras de El Calafate.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Animais
Rebanho de ovelhas nas terras de El Calafate.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Paisagem
Paisagem local no percurso entre El Calafate à fronteira.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Paisagem
Paisagem local no percurso entre El Calafate à fronteira.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Paisagem
Paisagem local com vista para a Cordilheira dos Andes no percurso entre El Calafate à fronteira.

Depois de quase 2h 30min de viagem chegamos na fronteira de Cancha Carrera, onde passamos pela imigração argentina. Como fizemos a travessia entre dois países, preenchemos um formulário para entrar no território chileno.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Imigração da Argentina.
Chegada no local da imigração argentina.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Imigração da Argentina.
Imigração argentina.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Formulário para entrada em território chileno
Formulário entregue para ser preenchido ao entrar no território chileno.

Na imigração, tivemos um atraso de quase uma hora até resolver um problema que aconteceu com um casal de taiwaneses que estava sem os passaportes e sem os vistos de entrada da Argentina.

Nosso guia precisou entrar em contato com uma guia chilena para que pudesse nos acompanhar durante todo o passeio ao Parque Nacional Torres Del Paine, porque ele precisou retornar com o casal para El Calafate e ela se juntou ao grupo após nossa passagem pela imigração chilena.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Imigração do Chile.
Imigração chilena.

Tomando direção à Torres Del Paine, avistamos de um lado da estrada dois boiadeiros que tocavam uma manada de boi e bem no momento que eu estava fotografando, um deles percebeu! Acho que ele era tímido porque logo cobriu seu rosto com a mão para não aparecer na foto, mas não teve jeito…rsrs

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Caminho para o Parque.
Adiante, estrada que vai para o Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Caminho para o Parque.
Boiadeiros tocando a manada de boi durante o trajeto ao Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Caminho para o Parque.
Manada de boi durante o caminho ao Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Caminho para o Parque.
Boiadeiro (tímido) tocando a manada de boi.

Cada vez que íamos avançando para chegar no Parque Nacional Torres Del Paine, as montanhas ficavam mais próximas de nós e com a visão que tínhamos de dentro do veículo reparamos nas lindas paisagens que iam aparecendo.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Visão de dentro do transporte.
Visão de dentro do transporte.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Visão de dentro do transporte.
Paisagem vista de dentro do transporte.

Durante o passeio, paramos em vários pontos do parque e quando descemos do 4×4 em nossa primeira parada, tivemos o privilégio de respirar o ar fresco daquele lugar e logo tivemos uma ampla visão do local, que teve como cenário as majestosas montanhas cobertas com neve que contrastava com a cor azul turquesa do rio.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Primeira parada.
Primeira parada no Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Primeira parada.
Primeira parada no Parque Nacional Torres Del Paine.

Na segunda parada que fizemos, caminhamos um curto trecho  até o Mirante Laguna Amarga, que nos aproximou da belíssima e grandiosa Laguna Amarga de coloração esverdeada. Depois, subimos até um ponto próximo de onde estávamos para ter outras visões do lugar e tirar mais fotos que tinham como principal atração os maciços chifres de granito das famosas Torres Del Paine.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Segunda Parada.
Vista da estrada que percorremos para chegar até a Laguna Amarga.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Segunda Parada.
Veículos estacionados próximos do Mirante Laguna Amarga.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Segunda Parada.
Mirante da Laguna Amarga.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Segunda Parada.
Mirante Laguna Amarga.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Segunda Parada.
Vista das montanhas e das Torres Del Paine pelo Mirante Laguna Amarga.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Segunda Parada.
Vista do Mirante Laguna Amarga.

Quase na hora do almoço, paramos por cerca de 40 minutos para lanchar diante da Cascata Paine. E aos poucos, alguns passarinhos que são acostumados com os turistas aproximavam-se de onde estávamos sentados para comer as migalhas de pão.

Havia uma área grande para caminhar e apreciar a natureza que estava em nossa volta. Particularmente, eu preferiria ter almoçado dentro do veículo por conta das fortes rajadas de vento, mas nada que atrapalhou o passeio. Em contrapartida, não teríamos a companhia destes simpáticos passarinhos!

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Terceira Parada Almoco.
Cascata Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Terceira Parada Almoco.
Cascata Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Terceira Parada Almoco.
Cascata Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Terceira Parada Almoco.
Um dos passarinhos que se aproximaram de nós enquanto almoçávamos no parque.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Terceira Parada Almoco.
Vista das montanhas e das Torres Del Paine na Cascata Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Terceira Parada Almoco.
Cascata Paine, um dos lindos cartões postais de Torres Del Paine.

Na quarta parada, estivemos no Lago Pehoe localizado no centro do Parque Nacional Torres Del Paine.  O lago é sustentado pelas águas que desaguam da cachoeira Salto Grande e situa-se entre os lagos Sarmiento, Nordenskjöld, Grey e Toro.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quarta Parada.
No fundo da imagem ilustra uma das opções de hotéis que o turista pode se hospedar no Lago Pehoe.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quarta Parada.
Vista das montanhas e das Torres Del Paine pelo Lago Pehoe.

A emoção de estar naquele magnífico lugar era como se estivéssemos projetados para dentro de uma tela de pintura viva de tão perfeito que eram os detalhes de cada canto que olhava. Tive a sensação de ser tão pequena diante da imensidão em meio à natureza!

Imagine o sentimento de paz e deslumbre sentada à beira do Lago Pehoe admirando as altas montanhas chamadas Cornos da Cordilheira do Paine! É quase inacreditável pensar que “só” tem 12 milhões de anos!

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quarta Parada.
Lago Pehoe.

Na quinta parada, chegamos no refúgio e local do ponto de encontro de muitos mochileiros no Parque Nacional Torres Del Paine. Neste local haviam alguns ônibus e os turistas aproveitaram para tirar muitas fotos de paisagens que mesclavam entre a neve sobre as altas montanhas, a cor estonteante dos lagos, o verde das colinas e as grandes rochas sob o céu de variadas tonalidades de azul.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quinta Parada Ponto de Encontro.
Refúgio e ponto de encontro de mochileiros no Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quinta Parada Ponto de Encontro.
Placa de informações referentes a Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quinta Parada Ponto de Encontro.
Mochileiros no refúgio do Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quinta Parada Ponto de Encontro.
Paisagem do Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quinta Parada Ponto de Encontro.
Paisagem do Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Quinta Parada Ponto de Encontro.
Paisagem do Parque Nacional Torres Del Paine.

Na sexta e última parada, próximo de onde estacionaram os veículos, havia uma placa com informações importantes aos visitantes do parque referentes a extrema proibição de atear fogo, usar apenas rotas/trilhas e acampar somente em áreas autorizadas, não alimentar a fauna silvestre e levar todo o lixo fora do parque nacional para que se mantenha continuamente preservado.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Placa de informações aos visitantes do parque nacional.

À frente desta parte do parque, estivemos em sua maior cachoeira conhecida como Salto Grande, onde as águas do Lago Nordenskjöld desembocam no Lago Pehoé. A cascata possui uma queda entre 10 a 15 metros de altura e a força desta queda compõem um dos espetáculos mais lindos de Torres Del Paine.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Cachoeira Salto Grande.
Águas vindas do degelo das montanhas e do escoamento do Lago Nordenskjöld que formarão a Cachoeira Salto Grande.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Cachoeira Salto Grande.
Momento anterior à queda d´água da Cachoeira Salto Grande.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Cachoeira Salto Grande.
Cachoeira Salto Grande.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Cachoeira Salto Grande.
Águas da Cachoeira Salto Grande indo em direção ao Lago Pehoe.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Cachoeira Salto Grande.
Cachoeira Salto Grande, a maior cascata do Parque Nacional Torres Del Paine.

Começamos a caminhar num trecho demarcado para chegar ao Mirador Los Cuernos e conforme informava uma placa, o grau de dificuldade era baixo e levaria em torno de 1 hora.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Trilha para o Mirante Los Cuernos.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Placa de direção ao Mirador Los Cuernos.

Enquanto íamos caminhando, o nosso horizonte era tomado por belíssimas e deslumbrantes imagens.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Vista para a Cachoeira Salto Grande.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Paisagem de inúmeras árvores secas pela ação dos castores.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Paisagem durante o percurso para o Mirante Los Cuernos.

Fortes rajadas de vento vinham ao nosso encontro e tínhamos que cuidar para que alguns de nossos pertences, como meu gorro, não saíssem voando de tão forte que o vento estava.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Caminhada para o Mirante Los Cuernos.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Caminhada para o Mirante Los Cuernos.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Caminhada para o Mirante Los Cuernos.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Caminhada para o Mirante Los Cuernos.

De vez em quando, víamos alguns guanacos e apesar de querer chegar bem próximo deles para tirar uma foto fiquei com receio de levar uma cuspida no rosto rsrs (típico desses animais), contudo, preferi não arriscar!

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Guanaco no nosso percurso para o Mirante Los Cuernos.

Mais adiante ao lado do Rio Paine, paramos e sentamos num ponto para ouvir o que a guia tinha a nos dizer e apesar de estarmos próximos do Mirador Los Cuernos, a cada passo que dávamos a ventania ficava ainda mais intensa e estava quase impossível de andar em linha reta. E, sendo sincera, nunca tinha estado num lugar que ventasse tanto! Tive impressão que as rajadas de vento atingiam 100 km/hora…

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Ponto de parada próximo ao Mirador Los Cuernos.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Guia prestando informações próximo ao Mirador Los Cuernos.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Eu e minha amiga de viagem sentadas ao lado do Rio Paine.

Então, a guia explicou um pouco mais sobre o parque, a formação das montanhas que pareciam serem perfeitamente esculpidas, a era glacial e de muitas outras informações interessantíssimas sobre a história patagônica. Também, tivemos a oportunidade de pegar e olhar o granito responsável pela formação dessas montanhas.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
As famosas Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Pedaço de granito que achamos no local onde estávamos.

No local que estávamos, havia uma placa que ilustrava e informava sobre a formação dessas montanhas. Milhões de anos atrás quando toda a região estava coberta por altas camadas de gelo, formou-se uma camada de rocha mais sedimentar no solo e lentamente o magma que vinha do centro da Terra começou a inundar debaixo dessa camada de rocha e foi esfriando até formar um maciço granito. E a partir das enormes pressões tectônicas, as placas de granito começaram a se elevar, formando as famosas torres.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Placa de informação sobre a formação das famosas Torres del Paine.

No meio de toda essa aula de história, vi passar outros visitantes, inclusive dois idosos, que logo pensei: “A idade não te impedirá de realizar algo desde que você desfrute de boa saúde e condição física”. Realmente foi lindo de ver e muitas vezes, nós jovens, reclamamos da vida!

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Visitante que fazia trekking no Parque Nacional Torres Del Paine.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Visitantes que faziam trekking no Parque Nacional Torres Del Paine.

Tomamos o caminho de volta e sem pressa caminhei ao lado de uma amiga que fiz durante o passeio. Enquanto conversávamos, íamos apreciando as paisagens que nos rodeavam.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Retornando ao início da trilha.

Entramos no veículo e algumas pessoas preferiram permanecer dentro dele durante nossa caminhada em direção ao mirante. Eu também estava esgotada pelas várias paradas que fizemos, mesmo assim, valeu cada momento por conhecer outro cartão postal espetacular do parque, e assim terminamos nosso passeio com chave de ouro!

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Percurso ao Mirante.
Vista panorâmica do parque nacional.

Na volta, pegamos a estrada pela qual viemos para chegarmos novamente na imigração chilena.

Antes de passarmos pela imigração, fomos numa loja de artesanatos que também funcionava como casa de câmbio e cafeteria, ficamos tempo suficiente no local para quem quisesse consumir algo, usar o toalete ou comprar algo dentre os inúmeros produtos que estavam postos à venda.

 

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Loja de artesanato.
Lado externo da loja de artesanato.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Loja de artesanato.
Área externa da loja de artesanato.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Loja de artesanato.
Área interna da loja de artesanato.
Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Loja de artesanato.
Área interna da loja de artesanato.

Compramos uma xícara, como de costume, e um livro sobre o Parque Nacional Torres Do Paine, o qual foi originalmente escrito em espanhol e que estava disposto na língua portuguesa e inglesa.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Loja de artesanato.
Livros sobre o Parque Nacional Torres Del Paine.

Para você, caro leitor, que for a Torres Del Paine, recomendo a aquisição deste livro que contém muitas informações significativas sobre este destino.

Despedimos de nossa guia que foi essencial ao nosso passeio e avistamos um mochileiro tentando pegar carona com algum motorista, prática comum entre eles na estrada.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Mochileiro.
Mochileiro pedindo carona na estrada.

Quando passamos pela fronteira e entramos na imigração argentina, o guia que tinha vindo conosco desde El Calafate estava à nossa espera para voltarmos juntos à cidade.

Siga na Viagem - Tour no Parque Nacional Torres Del Paine - Retorno a El Calafate.
Paisagem vista de dentro do 4×4 no retorno para El Calafate.

Teríamos mais 2h 30min de estrada e durante o percurso, sentada em minha poltrona, coloquei meu fone de ouvido e ao som de minhas músicas preferidas contemplava a paisagem que já conhecia e tentava gravar em minha memória as imagens de todo lugar que há pouco tempo estava diante de mim porque sabia que não voltaria tão cedo à Torres Del Paine.

 

Dicas e informações para quem se interessou em visitar o Parque Nacional Torres Del Paine

  • Fazer reserva de 2 a 3 dias, no mínimo!

No roteiro de viagem à Patagônia não tínhamos reservado pernoite em Torres Del Paine. Então, dentro do nosso cronograma programamos a visita ao Parque Nacional num único dia partindo da cidade de El Calafate.

Apesar de considerar um dos lugares mais incríveis que já estive, senti muita falta de ter mais tempo para aproveitar cada canto que conheci, pois como estávamos num grupo de excursão, tínhamos um cronograma com roteiro e horário a ser cumprido como acontece de praxe em qualquer excursão.

A cada parada, o tempo era muito escasso para apreciarmos os locais com tranquilidade, assim, precisávamos ser rápidos para tirar fotos! De qualquer forma, mesmo sendo um passeio longo para ser feito num dia, valeu muito a pena!

Recomendo se hospedar por alguns dias em Torres Del Paine, pois existem inúmeras opções de passeios que certamente agradará qualquer visitante!

  • Uso de toaletes:

Ah, lembrei-me que muitas pessoas passaram por um aperto neste dia, inclusive eu!! 

O tempo de distância que levou da cidade de El Calafate à imigração argentina foi de 2h 30min. No meio do caminho, paramos uma vez na estrada para quem precisasse improvisar um sanitário. Graças a Deus, que não precisei hahaha

Quando chegamos na imigração até havia um toalete, mas estava em manutenção!! E os funcionários que ali trabalhavam, autorizaram o uso do banheiro dos colaboradores apenas para uma idosa que estava em nosso grupo. Já, o restante do pessoal teria que improvisar novamente …

E, finalmente, depois de quase 4h 30min desde que partimos de El Calafate e também por conta do atraso que tivemos com o casal de taiwaneses como mencionado anteriormente, foi somente quando passamos pela imigração chilena que pudemos utilizar um toalete “civilizado”.

Durante todas nossas paradas no parque nacional, o único local que tinha um toalete foi onde havia o refúgio!

  • Vestimentas recomendadas para visitar o parque:

Como visitamos o parque nacional no mês de dezembro, a temperatura estava bem agradável considerando que estivemos somente no período diurno e apesar das fortes rajadas de vento, não sentimos frio.

Deste modo, recomendo vestir uma camiseta, um casaco leve ou corta vento, calça e um par de botas ou tênis! E não esquecer de usar filtro solar e levar óculos escuros.

  • Serviço:

Informação de valores desse passeio com Georgia da agência All Patagonia : [email protected]

 

Siga compartilhando:
  • 19
    Shares

Cristina Mary

Sou Nutricionista desde 2004 e trabalho num consultório de endocrinologia atualmente. Sempre gostei de conversar sobre viagens e ouvir sobre as experiências das pessoas com as quais estou conversando e ficava viajando junto com elas imaginando todos esses lugares. Estou estudando sobre fotografia e programas de edição de imagens como o Photoshop e Lighroom. E, todo esse meu entusiasmo em aprender foi a partir do apreço por belas fotografias de paisagens e lugares incríveis que me inspiram sempre a conhecer novos lugares! E como é gratificante você planejar uma viagem desde a escolha do destino, pesquisar sobre o que se fazer e organizar da melhor maneira possível para aproveitar ao máximo a viagem e, finalmente ver através dos seus próprios olhos o lugar que você via apenas por fotografias. E, se você me perguntar o que me motiva? Bem, responderei a você que é a vontade de conhecer todos os cantos desse mundão afora, de aprender novas línguas para conseguir me comunicar com as pessoas da região, de enriquecer minha alma convivendo com as mais distintas culturas mesmo que seja por alguns dias ou apenas por alguns momentos.

7 comentários em “Tour no Parque Nacional Torres Del Paine

  • 18 de Abril de 2018 em 11:28
    Permalink

    Esta parte da Patagônica é linda, adorei revê-la por seus olhos. Tinha curiosidade em saber como era esse tour, porque sempre achei tão corrido, mas vocês fizeram exatamente o que fizemos no primeiro dia e acho que pra quem não tem mais dias, vale a pena o aperitivo de TdP.

    Resposta
  • 17 de Abril de 2018 em 07:39
    Permalink

    Que região surpreendente! As fotos estão incríveis e me levaram em uma longa viagem. Fiquei imaginando como não deve ser o sentimento de estar inserido neste contexto, nesta natureza! Inspirador os caminhantes mais velhos! 🙂

    Resposta
    • 18 de Abril de 2018 em 00:17
      Permalink

      Olá Analuiza!
      Torres Del Paine é um destino surpreendente, de belezas naturais únicas e belíssimas!!
      Fico feliz de conseguir te levar a esta linda viagem e o sentimento é sensacional de estar neste lugar maravilhoso!
      E ver a disposição desses “jovens” é uma lição de vida!!
      Agradeço muitíssimo o comentário e um grande abraço!

      Resposta
  • 16 de Abril de 2018 em 11:14
    Permalink

    Lindo passeio! Muito interessante ver imagens da região durante o verão. Um cenário bem diferente do que é comum se ver nos roteiros sobre o local. Adorei cada detalhe e felizmente o problemas com os taiwaneses não comprometeu o aproveitamento do passeio.

    Resposta
    • 18 de Abril de 2018 em 00:03
      Permalink

      Olá Lulu Freitas!
      Realmente as paisagens mudam completamente conforme mudam as estações. Nós queremos muito ir no inverno ainda rsrs
      Graças a Deus que o passeio deu tudo certo!
      Muito obrigada pelo comentário e um abraço!

      Resposta
    • 17 de Abril de 2018 em 23:57
      Permalink

      Olá Nice!!!
      Realmente foi uma viagem linda e inesquecível!!
      Obrigada por comentar e um grande abraço!!

      Resposta

Deixe um comentário